segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Fim de semana de vasos, cuba e marmoraria

Mesmo quando você acha que tem poucas tarefas de obra no fim de semana, acredite, ele vai ser inteiro ditado por estas e elas demorarão sempre mais do que o previsto.

A princípio nossa única obrigação desse fim de semana era buscar as tais soleiras e parapeitos na marmoraria láááá em Jacarepaguá (sim, nesse clima agradável que estava o Rio). Ja que fomos até lá, aproveitamos pra escolher nossa pedra de granito da cozinha, escolhemos o Santa Helena no lugar do São Gabriel. São muito parecidos, custam o mesmo, mas achamos o Santa Helena menos pigmentado, mais preto. Não achamos a pedra incrível, acho que nenhuma é, mas era a melhor das 4 ou 5 que vimos por lá.... E buscamos as soleiras e parapeitos, claro. Alias, são tão bonitinhos, branquinhos, lisinhos.......

Ao passar no obra, estava tudo nos conformes e a equipe a todo vapor passando a elétrica. Precisamos ir até lá pra descobrir que precisávamos comprar mais azulejinhos brancos pra área da lavanderia  (nunca nem falei disso, amanhã posto fotos). As 21h de sábado Seu João ainda liga pra dizer que o porcelanato do piso dos banheiros não foi suficiente. Não sei ao certo como o Eduardo fez a conta, mas parece que teve muito desperdício por causa dos cortes diferentes do banheirinho, entendo.

Domingo é o dia internacional da preguiça, só conseguimos sair de casa quase 16h e lá fomos nós na Amoedo de Botafogo, por sorte esta fica aberta até às 18h nos domingo (continuo amanhando a Amoedo). Compramos os azulejinhos, mais rejunte preto (isso vai ter um post a parte), o complemento pro piso dos banheiros pedido pelo Seu João. Aproveitamos a viagem e compramos logo os vasos dos dois banheiros:
Deca - linha Quadra
Deca - linha Vogue Plus


Optamos por manter a Deca. Sempre. Achamos a Linha Quadra mais confortável (apesar de ser 2cm maior) para o banheiro da suíte e gostamos bastante da Linha Vogue Plus pro banheirinho. Taí outra coisa que ninguém dá atenção até ter que escolher uma pra sua casa.
Nossa opção por caixa acoplada veio desde o início da obra. Essas descargas de parede sempre, sempre, sempre dão problema e dor de cabeça de ter que quebrar a parede toda (muitas vezes perder o revestimento) pra consertar. Por outro lado, tenho certo preconceito com essas caixas acopladas, me parece banheiro de bar e tenho a impressão de que as descargas nunca serão boas... Compramos esse esquema de dual flux (que tem descarga de 3 e 6 litros) mesmo sem acreditar muito nisso, tomara que eu esteja errada.

Aproveitamos pra comprar a cuba do banheirinho, indo contra a sugestão do primo arquiteto pra tentar ganhar mais espaço de circulação. A proposta no projeto tinha 45cm e a escolhida 35cm. Ele diz que esta está na moda (o que deve passar em breve) e também que molha em volta e respinga mais água... Vamos testar.
Cuba para o banheirinho

Pronto! Mais um pouquinho de alívio pelos "checks" de mais alguns itens. Ainda falta muito, mas o pensamento é de que cada vez menos um pouquinho...

P.S. - Sexta à noite assinamos os desenhos técnicos dos armários. Saímos bem animados da loja (Criare). Essa semana eu posto os desenhos aqui com comentários.

Um comentário:

  1. Quero ver se depois você vai lembrar de tantos "posts a parte"!!!

    ResponderExcluir